quinta-feira, 27 de junho de 2013

Bacalhau assado no forno com batatas novas

Este prato faz-me lembrar a comida da Mãe :) quando vou de férias é um dos petiscos que tenho a possibilidade de comer feito pelas mãos dela... e que bem me sabe!
Num destes dias foi a refeição cá de casa, como forma de variar um pouco mais os pratos que temos comido onde nem sempre a imaginação prevalece...
Um prato que todos podemos saber fazer mas eu deixo o modo como o preparo... espero que gostem!


Ingredientes:

4 postas de bacalhau
batatinhas novas cortadas a meio, apenas lavadas e com pele q.b. para 4 pessoas
1 fio de azeite
1 cebola média
1 folha de louro
1 pitada generosa de colorau
1 dl de vinho branco
sal, pimenta e alho em pó q.b.


Preparação:

Numa assadeira, coloque o fio de azeite. Por cima coloque as postas de bacalhau e as batatinhas cortadas ao meio. Tempere com o louro, sal, pimenta, alho em pó. Esfregue tudo com o colorau e disponha a cebola em rodelas. Regue com o vinho branco.
Leve então ao forno a 220º até as batatas estarem douradinhas e cozinhadas e o bacalhau estar suculento sem se desfazer e estar também dourado.
Sirva de imediato acompanhado de uma salada e com um bom vinho branco bem fresco!


Bom apetite!

domingo, 23 de junho de 2013

Tarte de espargos e cogumelos selvagens

Mais uma receita de espargos que resultou num jantar leve e delicioso.
Nem sempre tenho imaginação ou tempo para comidas muito elaboradas, principalmente se estas forem feitas a uma sexta feira à noite.
Dessa vez e tendo um rolo de massa de tartes pronto a usar, decidi inventar um bocado o jantar e esvaziar o congelador das claras que tinha acumuladas.
Uma aposta ganha e uma refeição cheia de cor e sabor.


Ingredientes:

1 rolo de massa quebrada para tartes
300 gr de cogumelos selvagens congelados
1 molho de espargos finos cortados ao meio
100 gr de bacon em cubinhos
1 fio de azeite
1 cebola
125 ml de natas
9 claras de ovo
200 gr de queijo ralado
sal e pimenta q.b.



Preparação:

Num wok, coloque um fio de azeite e a cebola em rodelas finas. Deixe a cebola amolecer e junte os espargos, os cogumelos e o bacon. Tempere com sal e pimenta e deixe saltear em lume médio.
Entretanto,  disponha a massa numa tarteira e pique-a com um garfo. Numa taça. bata bem as claras com as natas e o queijo. Tempere também com sal e pimenta.
Coloque metade da mistura de legumes por cima da massa, de seguida as claras-queijo-natas por cima e os restantes legumes (bem escorridos). Misture com cuidado e leve ao forno pré-aquecido a 220º cerca de 35-40 minutos ou até estar cozinhado e dourado.
Sirva de imediato!


Bom apetite!

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Risotto de peixe para um passatempo...

Já por várias vezes mencionei aqui que gosto muito de peixe e afins, ao contrário do companheiro.
Então tenho que inventar formas de lhe dar a comer o dito cujo sem que ele reclame muito.
Desta feita lembrei-me de fazer risotto porque é um prato que ambos apreciamos e não houve reclamações ;) mas sim muitos: "hummmm está tão bom que parece que nem tem peixe!"


Ingredientes:

350 gr de arroz arbóreo (para risotto)
4 filetes de linguado cortado em pedaços pequenos (cerca de 200 gr no total)
150 gr de pota cozida cortada em rodelas
2 dl de vinho branco
8 dl de caldo de peixe
1 cebola
1 fio de azeite
sal e pimenta q.b.
queijo ralado q.b.
salsa picada q.b.


Preparação:

Pique a cebola e refogue-a no azeite.
Quando estiver macia junte o arroz, o peixe e a pota e mexa bem. Adicione o vinho e deixe evaporar.
Aos poucos vá adicionando o caldo de peixe deixando evaporar entre cada adição e mexendo de vez em quando (o risotto leva cerca de 20 minutos a ficar pronto). Na última adição de caldo, tempere com sal refinado e uma pitada de pimenta e junte o queijo para ficar bem cremoso. Polvilhe com salsa picada e sirva de imediato.


Bom apetite!

Com esta receita participo no passatempo do Paulo do blogue "The Wild Kitchen" que pede uma receita saudável para celebrar as 100 publicações :)
Paulito espero que gostes!!

sábado, 15 de junho de 2013

Butterzopf - Pão trança de manteiga suiço

Desde que vivo nos Alpes que tenho procurado conhecer um pouco mais da cultura e gastronomia de cá.
Mesmo sendo uma imigrante, não gosto de fazer figuras tristes e acho que todos nós (perdoem-me a ousadia) que vivemos fora do nosso País deveríamos tentar conhecer um pouco dos costumes do país que nos acolhe.
Já percorri quase toda a Suiça, visitei as principais cidades, fui tentando acolher alguns costumes deles e em termos gastronómicos também já adoptei alguns hábitos.
De forma alguma esqueço as minhas raízes, mas é sempre bom conhecer, inovar e provar novos sabores.
Uma das primeiras iguarias que me deram a provar foi o pão que hoje vos trago. O pão tradicional de domingo, que é servido normalmente em brunch.
Claro que no dia a dia também o encontramos à venda no supermercado pois um país multicultural como este tenta também adaptar-se aos hábitos dos estrangeiros.
Durante bastante tempo comprei este pão, até que um dia fez-se luz e já com a máquina do pão em casa, decidi começar a fazê-lo.
A primeira vez que fiz desapareceu tão rápido que quando ia para tirar fotos já não havia, desta vez aproveitei o facto de estar sozinha em casa e ter o tempo do meu lado para deixar então a receita e as fotografias para a posteridade.


Ingredientes (para uma trança de 500 gr)
Fonte: Panflor

500 gr de farinha para pão de trança (obtêm esta mistura se misturarem 90% de farinha de trigo com 10% de farinha de trigo espelta)
1 saqueta de fermento para pão em pó (7 gr) - usei da marca local, mas penso que a Vahiné também tem
3 dl de leite à temperatura ambiente
10 gr de sal fino
10 gr de açúcar
50 gr de manteiga ligeiramente amolecida
1 gema de ovo para pincelar


Preparação - método tradicional

Com as varetas de massa, bater com a batedeira todos os ingredientes (com excepção da gema) até obter uma massa elástica.
Deixar levedar cerca de 1 hora num local aquecido (deverá dobrar de volume).
Divida a massa em dois rolos (ver passo a passo).
Forme uma trança de 4 pontas (ver passo a passo).
Coloque num tabuleiro forrado com papel vegetal e deixe levedar novamente 40 minutos.
Ligue o forno a 220º, pincele a trança com a gema de ovo batida e leve ao forno cerca de 30-40 minutos no segundo nível a contar de baixo.




Preparação - MFP

Na cuba da MFP coloque primeiro os ingredientes líquidos e depois os sólidos. Escolha o programa "Amassar e levedar" (na minha é o programa 13 que demora 1h25m).
Retire a massa.
Divida a massa em dois rolos (ver passo a passo).
Forme uma trança de 4 pontas (ver passo a passo).
Coloque num tabuleiro forrado com papel vegetal e deixe levedar novamente (não reparei no tempo, mas foi menos de 40 minutos).
Ligue o forno a 220º, pincele a trança com a gema de ovo batida e leve ao forno cerca de 30-40 minutos no segundo nível a contar de baixo.


Bom apetite e bom domingo a todos!

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Hoje há jantar e sobremesa!

Primeiro de tudo quero agradecer aos que aqui passaram e também na página do FB (da Cozinha e pessoal) a desejarem-me as melhoras! Felizmente acho que não fiquei com marcas e tenho 90% das borbulhas cicatrizadas :)

A publicação de hoje veio da questão que deixei no FB se preferiam doce ou salgado. Como resposta obtive: os dois! Então há que fazer a vontade aos seguidores, pois se não fossem vocês esta Cozinha não tinha pernas para andar! Por isso mesmo este post é dedicado a todos os que estão aí desse lado sempre a incentivar-me para fazer mais e cada vez melhor!

A primeira sugestão serve para o jantar e a segunda pode ser a sobremesa ou até para o chá antes de ir dormir. Ambas usam o forno pelo que podemos chamar o dois em um, faz-se o jantar e enquanto se come, a sobremesa também fica pronta.

Há dois anos atrás, tive uma surpresa pela Páscoa: os meus pais, a minha irmã, cunhado e sobrinho vieram passar esta festa comigo e com o meu irmão, cunhada e sobrinhas.
Como estava a trabalhar nos dias fora dos feriados, ficaram eles encarregues de fazer as refeições.
Numa dessas vezes tinha algo parecido com o que hoje vos trago, para o almoço e a bem da verdade gostei tanto que nunca mais me saiu da ideia. Na altura foi um sucesso enorme e nem as migalhas sobraram!
Mesmo não tendo pedido a receita ao meu cunhado M.J. deste petisco, tentei fazer por intuição do pouco que me lembrava dos ingredientes.
Acho que não me sai mal e ficou o desejo fazer mais vezes, mas apenas em dias especiais pois apesar dos legumes é um pouco calórica.

Folhado de legumes


Ingredientes:

2 placas de massa folhada estendida de compra (rectangular)
500 gr de ervilhas e cenouras baby congeladas
100 gr de espargos cortados
100 gr de alho francês em rodelas
1 cubo de caldo knorr para legumes esfarelado
1 lata de cogumelos laminados
1 lata de milho
150 gr de fiambre
1 cebola
1 fio de azeite
pimenta, sal, alho em pó e molho de soja q.b.
sementes de papoila para polvilhar
ovo batido para pincelar

Preparação:

Num wok, coloque o azeite e a cebola ás rodelas finas. Deixe ficar macia e junte os legumes todos, o fiambre cortado fininho e o knorr. Vá mexendo enquanto cozinha para não queimar e tempere com a pimenta, o sal, o alho e o molho de soja.
Depois de prontos os legumes, num tabuleiro do forno forrado com papel vegetal coloque à vez a massa folhada estendida. Em cada uma delas coloque numa ponta (deixando espaço suficiente na margem) metade dos legumes. Enrole com cuidado para a massa não abrir. Feche bem os bordos, pincele com ovo batido e polvilhe com as sementes de papoila.
Repita a operação com a outra placa.
Leve ao forno a 220º cerca de 35 minutos ou até a massa estar cozinhada e dourada.
Sirva de imediato.



Agora enquanto jantam calmamente e saboreiam o folhado de cima, têm este bolinho como sugestão.

O amontoar de claras no congelador cá de casa dá sempre em bolos :) por incrível que pareça ficam bastantes mais leves (na minha opinião) do que se levassem as gemas.

Um bolo cuja imaginação deixei fluir e usei o que havia para gastar... todos aprovaram e foi mais uma aposta ganha!

Bolo de claras e banana


Ingredientes:

9 claras
125 gr de manteiga
125 gr de açúcar
125 gr de farinha
1 dl de leite
1 colher de sobremesa (cheia) de fermento em pó
1 banana
sumo de 1/2 limão



Preparação:

Bata as claras em castelo e reserve.
Numa taça bata a manteiga com o açúcar até fazer creme.
Adicione a banana esmagada, o leite e o sumo do limão e continue a bater.
Peneire a farinha com o fermento e incorpore na massa alternando com as claras mas sem bater.
Leve ao forno pré-aquecido a 180º numa forma untada e polvilhada. Faça o teste do palito para verificar se está seco (esqueci-me de ver quanto tempo demorou a cozer).
Desenforme morno.


Bom apetite!

sábado, 8 de junho de 2013

A varicela, o tédio e a lata das bolachas

Na noite em que escrevo esta publicação, as palavras não fluem com rapidez.. Talvez porque além de tudo o que se tem passado tive um acrescento: apanhei varicela, o que me obrigou a ficar confinada a quatro paredes durante uma semana inteira porque, segundo as palavras da médica que me examinou eu era uma ameaça à saúde pública. Claro que o primeiro dia aproveitei a descansar, mas os seguintes foram um autêntico tédio em que me vi a arrumar o que estava arrumado, a organizar o que já estava organizado e a inventar mil e uma coisas para passar o tempo. Foi numa dessas tardes que me pus a ver os livros especializados e descobri uma caixinha que continha 50 receitas dedicadas só a bolachas...
Ora como o tempo não abunda em época de trabalho, aproveitei e fui para a cozinha e enchi, não uma mas duas latas cada uma com sua qualidade de bolachas! Simples e deliciosas, ficam as receitas de uma tarde que teve muita comichão à mistura mas tédio não teve nenhum!


Bolachas de manteiga

Ingredientes (cerca de 50 bolachas)

3 gemas de ovo
1 pitada de sal
300 gr de farinha
1 pacote de açúcar baunilhado 
150 gr de açúcar em pó
160 gr de margarina ou manteiga

Farinha para tender a massa
2 gemas de ovo para pincelar

Preparação:

Bata as gemas com o sal e deixe repousar enquanto prepara os outros ingredientes.
Peneire a farinha sobre uma superfície de trabalho (usei um alguidar) e faça um buraco no centro. Deite as gemas. Misture o açúcar baunilhado e o açúcar em pó e junte também a farinha. Coloque a manteiga fria em bocados sobre a farinha. Amasse todos os ingredientes durante algum tempo até obter uma massa lisa. Deixe a massa descansar durante 30 minutos.
Pré-aqueça o forno a 180º. Volte a amassar.
Estenda a massa com o rolo numa superfície polvilhada com farinha, corte as bolachas com cortadores próprios, disponha-as num tabuleiro forrado com papel vegetal e pincele-as com a gema batida.
Leve ao forno durante 10 a 15 minutos. Deixe arrefecer no tabuleiro antes de as guardar.


Bolinhos recheados com compota

Ingredientes (cerca de 40 a 50 bolos)

250 gr de manteiga (no original 140 gr de banha + 140 gr de manteiga)
140 gr de açúcar
3 gemas de ovo
420 gr de farinha

2 gemas de ovo (pincelar)
amêndoa picada
compota de morango

Preparação:

Bata a manteiga com o açúcar. Adicione as gemas uma a uma. Por último acrescente a farinha.
Pré-aqueça o forno a 180º. Forre um tabuleiro com papel vegetal ou polvilhe com farinha.
Forme com a massa pequenas bolas (com cerca de 2 cm), coloque-as no tabuleiro e achate-as um pouco com os dedos.
Pincele os bolinhos com as gemas batidas e cubra-os com a amêndoa. Com o cabo de uma colher, pressione no centro de cada bolo para fazer um buraco e recheie-o com compota. 
Leve os bolos ao forno entre 15 a 20 minutos.
Deixe arrefecer no tabuleiro antes de os guardar.


Bom apetite!

Adaptadas de: Bolachas - 50 fichas de receitas a cores

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Massa com espargos e cogumelos

Uma massa muito simples mas cheia de sabor para comer mesmo assim ou para acompanhar carne ou peixe.
Aqui estamos na temporada dos espargos e eu que descobri só agora o quanto este legume é bom já fui comprando uma boa dose deles que já congelei para usar quando não os houver. Já fiz risotto e agora a massa que hoje vos trago. Mas as ideias não ficam por aqui....

                           

Ingredientes:

250 gr de massa fusilli
350 gr de espargos verdes
1/2 lata de cogumelos
3 colheres de sopa de polpa de tomate
1 cebola
1 fio de azeite
sal, pimenta e alho em pó q.b.



Preparação:

Pique a cebola e refogue no azeite, quando estiver macia adicione a polpa de tomate, água suficiente para cozinhar os espargos (e a massa posteriormente) e coloque os espargos lavados e cortados em pedaços.
Deixe cozinhar, tempere com sal, pimenta e alho.
Quando estiverem quase cozinhados, junte os cogumelos e a massa. Rectifique os temperos e deixe cozinhar a massa o tempo que está indicado na embalagem.
Sirva de imediato como prato principal ou como acompanhamento.


Bom apetite!



sábado, 1 de junho de 2013

Brownie-Cupcakes mornos de amêndoa (Evento Cooking World - Dia Um... Na Cozinha)

No meio de tanta confusão que se instalou por estes lados posso dizer que tenho amigos para a vida.. Que por todos os meios possíveis e imaginários me tentam erguer a moral e fazer seguir em frente... E desta vez propuseram-me um desafio: fazer brownies...
Algo muito guloso e capaz de adoçar até os corações mais chorosos...
A versão que hoje apresento aqui é em tudo diferente dos clássicos pois são para ser saboreados mornos e comidos na tacinha, depois de uma refeição leve. Perfeitos para um dia de frio e mesmo estando a começar o mês do Verão, aqui nos Alpes a manta no sofá tornou-se indispensável.
Para mim consolaram-me em todos os sentidos, por breves instantes esqueci o mau e saboreei o bom!


Ingredientes (6 unidades)
Adaptado de: Mmmm... Schokolade

120 gr de manteiga + manteiga para untar formas
120 gr de chocolate negro com pelo menos 50% de cacau
2 ovos
125 gr de açúcar
3 colheres de sopa de xarope de acér
120 gr de farinha peneirada
70 gr de amêndoa laminada


Preparação:

Ligue o forno a 180º. Unte 6 formas de ramequins e reserve.
Amoleça o chocolate com a manteiga no microondas, não deixando derreter na totalidade. Misture bem e deixe arrefecer por 3-5 minutos.
Entretanto bata os ovos com o açúcar e o xarope de acér. Adicione o chocolate e misture bem. Junte então a farinha peneirada e 2/3 da amêndoa e volte a misturar.
Distribua pelas formas e polvilhe cada uma com a amêndoa que sobrou.
Leve ao forno cerca de 30 minutos. Estão prontos quando ao tocarmos com o dedo a parte superior esta seja firme mas mole (ou usar o teste do palito).
Sirva mornos.

Bom apetite!



Este é um evento dos contribuidores do Cooking World e este mês os participantes são os seguintes:

http://cookingworldpt.wordpress.com/
http://asaventurasdeumamama.blogspot.com/
http://www.blogdochocolate.com/
http://ogostopelacozinha.blogspot.pt/
http://cookingbooksblog.blogspot.pt/
http://docemaisoumenos.blogspot.pt/
http://entretachosesabores.blogspot.pt/
http://thewildkitchenportuguesa.blogspot.pt/
http://maisumsobreculinaria.blogspot.pt/
http://bembons.blogspot.com/
http://emocaoascolheradas.blogspot.pt/
www.obarriguinhascomebem.com
http://oficinadaspapitas.blogs.sapo.pt/
http://umapedradesal.blogspot.pt/
http://tertuliadasusy.blogspot.pt/
http://docesemcasa.blogspot.pt/
http://www.receitasparaafelicidade.com/
http://tachosvspanelas.blogspot.com/
http://www.acozinhadakinhas.blogspot.ch/