quarta-feira, 30 de maio de 2012

Bolo dos três Cês (C)... uma distracção...

Outro dia na minhas habituais compras na casa portuguesa perto de onde vivo, e como ou ando cheia de pressa sempre que lá vou ou me ponho à conversa com a funcionária, trouxe um creme de leite por distracção. Ia comprar leite condensado, mas as latas estavam todas umas ao lado das outras e pronto, lá veio o creme de leite por engano cá para casa... O problema apareceu depois que eu não sabia o que havia de fazer com aquilo... Procurei nas revistas e livros de cozinha uma receitinha que fosse e nada... Na internet a oferta era muito reduzida e nada que me enchesse as medidas... então decidi aprofundar ainda mais a pesquisa e encontrei aqui algo que me chamou a atenção... Decidi por mãos à obra e esperar o resultado...

Chamei-lhe o Bolo dos três C (no original é bolo de creme de leite), porque ao provar a massa em cru, achei que estava tão pouco doce que eu não ia gostar nada daquilo, então decidi juntar cacau em pó e coco ralado... e o resultado foi brilhante... Um bolinho húmido, fofo e docinho mesmo ao meu gosto.


Ingredientes:

3 ovos
100 gr de margarina
2 chávenas de chá de açúcar
2 chávenas de chá de farinha
1 colher de sopa de fermento em pó
1 colher de sopa de maisena
1 lata de creme de leite
1 colher de sopa de cacau em pó
uma mão cheia de coco ralado

Preparação:

Bata as claras em castelo e reserve. Bata a margarina com o açúcar e as gemas.
Adicione a farinha e a maisena e bata bem.
Junte todo o conteúdo da lata de creme de leite,o fermento, o cacau e o coco e bata mais um pouco. Incorpore levemente as claras. Leve ao forno pré-aquecido a 180º por cerca de uma hora ( na forma que utilizei foi o tempo que demorou). Desenforme morno.
Polvilhei com açúcar em pó.

Bom apetite!






segunda-feira, 28 de maio de 2012

Bolo de banana com framboesas

Sou seguidora há pouco tempo do Flagrante Delícia mas já fiquei rendida ás sobremesas e doces que nos são apresentados pela Leonor de Sousa Bastos, tanto que ontem decidi fazer este bolo que só por acaso tinha sido postado pela autora no dia anterior... Foi uma pequena prenda para as sobrinhas e restante família e a minha estreia com as receitas da Leonor... Fiz apenas uma pequena troca: a autora fez com morangos, eu fiz com framboesas...

Ingredientes:

250 gr de banana descascada (coloquei 3 bananas maduras)
125 gr de manteiga amolecida
225 gr de açúcar
2 ovos
1 colher de chá de essência de baunilha
1/2 colher de chá de canela (coloquei apenas uma pitada)
180 gr de farinha
7 gr de fermento em pó
100 gr de framboesas


Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180º. Untar com manteiga e polvilhar com farinha uma forma com 18 cm de diâmetro.
Amassar as bananas com um garfo.
Bater a manteiga com o açúcar até ficar um preparado cremoso. Juntar as bananas, os ovos, a canela e a baunilha sem deixar de bater.
Adicionar a farinha peneirada com o fermento e bater apenas até ligar todos os ingredientes.
Colocar a massa na forma. Dispor as framboesas uniformemente sobre a massa. Levar a cozer durante cerca de 45 minutos. Desenformar morno.

Bom apetite!


domingo, 27 de maio de 2012

Delícias folhadas

Esta receita já estava marcada há cerca de um ano para fazer, mas a vida agitada do dia-a-dia, outros assuntos que iam surgindo e outras receitas iam fazendo com que fosse ficando sempre com a eterna resposta do "um dia hei-de fazer"... até que esse dia surgiu inesperado em que a coragem e a força de vontade foi maior e o desejo de surpreender falou mais alto...
Um doce que se encontra em qualquer pastelaria e que hoje apresento a partir da minha cozinha...


Ingredientes (12 unidades)

600 gr de massa folhada congelada
farinha q.b.
açúcar em pó q.b.

Creme de ovos

190 gr de açúcar
0.65 dl de água
1 colher de chá de farinha maisena
3 gemas
2 ovos
1 colher de chá de manteiga


Preparação:

Descongele a massa folhada à temperatura ambiente. Tenda-a sobre uma superfície enfarinhada até obter uma espessura fina. Apare as pontas e corte rectângulos.
Coloque-os num tabuleiro forrado com papel vegetal e deixe repousar por cerca de 15 minutos.
Leve ao forno pré-aquecido a 220º durante 15-20 minutos. Retire e deixe arrefecer.
Prepare o creme de ovos: Junte 125 gr do açúcar com a água e leve a lume brando. Deixe ferver durante um minuto e retire.
À parte, misture o restante açúcar com a maisena. Acrescente as gemas, uma a uma, os ovos, a manteiga e envolva bem. Adicione a calda do açúcar e leve novamente a lume brando, mexendo sempre até ganhar consistência; retire e deixe arrefecer. Barre os folhados, dos lados, com o creme e polvilhe a superfície com açúcar em pó. Sirva frio.



Bom apetite!

Fonte: Mulher Moderna na Cozinha nº 147 de Junho 2008

sábado, 26 de maio de 2012

Mesmo a tempo do piquenique, a minha receita...

...para a celebração do 1º aniversário do blogue "Cravo e Canela". Um piquenique requer petiscos simples e práticos que se possam saborear ao mesmo tempo que se aprecia o que a Natureza nos dá de melhor...
Adoro o campo, respirar o ar puro, beber nas fontes de água cristalina e sentir o cheiro dos campos com o orvalho da manhã e como tal não podia deixar de aceitar o convite da Manuela para este convívio.
Decidi então preparar uns deliciosos Mini-croissants de framboesa e leite condensado.
Já tenho a minha cesta pronta, com a manta e aí vou eu que não quero chegar atrasada....



Ingredientes (16 unidades)

1 rolo de massa quebrada estendida (também pode usar massa para tartes ou massa folhada)
50 gr de framboesas congeladas esmagadas com um garfo
3 colheres de sopa de leite condensado cozido
3 colheres de sopa de amêndoa ralada
umas gotas de sumo de limão
umas gotas de natas liquidas
1 ovo batido para pincelar
açúcar em pó para polvilhar

Preparação:

Desenrole a massa e divida em 16 triângulos.
Numa taça misture muito bem todos os ingredientes e coloque pequenas porções com a ajuda de uma colher em cada um dos triângulos.
Enrole de fora para dentro e feche as pontas.
Coloque os croissants num tabuleiro forrado com uma folha de papel vegetal, pincele com o ovo batido e leve ao forno seguindo as instruções de cozedura indicadas na embalagem da massa.
Polvilhe com o açúcar em pó.



Bom apetite!

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Francesinhas




Como boa nortenha que sou não dispenso á mesa (de vez em quando) um prato típico da cidade onde nasci, nada mais nada menos do que Francesinhas.
A sanduíche acompanhada do molho (que é onde está o segredo) e das batatas fritas faz as delicias de quem a verdadeiramente aprecia.
A versão que vos deixo é do mais simples que há, espero que gostem e levem a receita convosco...



Ingredientes (para as sanduíches - a olho)

batatas para fritar

pão de forma
fiambre
queijo fatiado
bife de vaca
linguiça

ovo estrelado (frito) (opcional)

Ingredientes para o molho (2-3 francesinhas)

1 cerveja
1 cubo de caldo de carne
2 folhas de louro
1 colher de sopa de margarina
1 cálice de brandy ou vinho do Porto
1 colher de sopa de maisena
2 colheres de sopa de polpa de tomate
sal q.b.
piri-piri q.b.

Preparação:

Molho: Num tacho coloque todos os ingredientes e leve a ferver em lume médio mexendo sempre. Quando ferver, com a ajuda da colher de pau retire as folhas de louro e "passe" com a varinha mágica.(eu voltei a colocar as folhas depois de "passar" para manter o paladar). Mantenha quente e reserve.

Entretanto, frite o bife temperado com uma pitada de sal e alho e a linguiça cortada transversalmente (ao comprido).

Para a montagem: Comece por colocar num tabuleiro (forno função grill) ou num prato (microondas com grill) uma fatia de pão de forma, seguida de uma fatia de fiambre, o bife, uma fatia de queijo, a linguiça e outra fatia de pão.     
Se desejar colocar um ovo estrelado, deverá fazê-lo nesta altura antes de colocar 2 fatias de queijo por cima do pão.
Leve a gratinar até o queijo derreter bem.
Sirva acompanhado do molho e das batatas fritas.

Bom apetite!












quinta-feira, 24 de maio de 2012

Festa de aniversário - Bolo de anos

E aqui está o tão esperado bolo! Feito com muito carinho, só podia sair algo bom, muito bom!
Desde a semana passada que andava aqui num estado de nervos que nem imaginam por causa deste bolo, tinha medo que ou não cozesse, ou não conseguisse fazer os cremes, etc, etc e depois quando foi para o decorar tremia como se fosse uma vara (ihihi, agora rio-me mas até transpirava quando o estava a fazer).
Mas agora chega de conversa e vamos à receita por que todos estão à espera.



Ingredientes:

Bolo (inspirei-me no blogue da Sónia Meirinho; dupliquei e alterei a receita original)

14 ovos
400 gr de açúcar
300 gr de farinha
2 pacotes de açúcar baunilhado (cerca de 30 gr os dois)
umas gotas de essência de baunilha
1 colher de chá de fermento em pó

Recheio - Creme de pasteleiro ( receita da revista Mulher Moderna na Cozinha nº 147 de Junho 2008)

5 dl de leite
1 vagem de baunilha
175 gr de açúcar
1 colher de sopa de maisena
1 colher de sopa de manteiga
4 ovos

Cobertura e Decoração

2 pacotes de natas
2 colheres de sopa de açúcar
raspa de chocolate
2 morangos cortados em 4
missangas de chocolate q.b.
bolinhas prateadas
escrita de açúcar vermelha

Preparação:

Bolo

Bata os ovos com os açúcares com a batedeira eléctrica até fazer espuma.
De seguida adicione a farinha misturada com o fermento e a essência de baunilha e envolva muito bem para criar uma massa fofa.
Unte com manteiga uma forma e polvilhe com farinha (eu usei o método do papel vegetal).
Verta a massa na forma e leve ao forno pré-aquecido a 180º cerca de 20-25 minutos.
Desenforme morno.


Recheio

Leve ao lume o leite com a vagem de baunilha aberta ao meio. Quando levantar fervura,  retire do lume e reserve. À parte, misture o açúcar com a maisena, a manteiga em pedaços e os ovos e mexa muito bem.
Retire a vagem da baunilha do leite ainda morno e verta-o em fio sobre o preparado, batendo muito bem.
Leve tudo ao lume muito brando, mexendo sempre com uma colhe, até que o creme fique espesso.
Retire e deixe arrefecer, mexendo de vez em quando.


Corte o bolo ao meio no sentido do comprimento com uma faca de pão ou bem afiada e recheie com o creme


Cobertura e Decoração

Bata as natas com o açúcar. Barre o bolo com este creme incluindo os lados.
Decore a gosto. Eu usei os ingredientes acima descritos.




Espero que gostem e que façam este bolinho (depois digam-me o resultado). Por estes lados foi mais do que (a)provado! Sem dúvida um bolo a repetir!

Bom apetite!



quarta-feira, 23 de maio de 2012

Festa de aniversário - petiscos (parte 3)

Finalmente a última parte da saga da festa (ainda falta o bolo que vai ser publicado amanha), mas no que conta a petiscos finalizamos por aqui.
Desta vez foram uns deliciosos vol-au-vent de delícias do mar e camarão.


Encontrei esta maravilha no blogue A panificadora ribeiro da querida M.
Claro que lhe fiz uns ajustes para os adaptar a quem os ia fazer desaparecer.

Comprei as cestinhas de massa folhada no supermercado e foi só encher com uma pasta feita com maionese, miolo de camarão, delicias do mar, ovo cozido e salsa picada tudo q.b. Moí tudo com a varinha mágica. Depois foi só encher. Tive o cuidado de retirar com a ponta de uma faca a tampinha e depois usei-a como decoração.


Bom apetite!

terça-feira, 22 de maio de 2012

Festa de aniversário - petiscos (parte 2)

Hoje fica mais um dos petiscos da festa que ainda não tinha receita aqui no blogue, desta vez são uns bolinhos que de uma massa base, saíram duas qualidades de queques: de limão e mármore.
Fica então para a posteridade a receita base e o modo de confecção das duas versões da festa.

Ingredientes - Massa base para 12 queques

1 chávena de ovos inteiros
1 chávena de açúcar
1 chávena de farinha
Meia chávena de leite
1/4 chavena de óleo
1 colher de chá de fermento em pó.

Preparação da massa base:

Numa taça, coloque todos os ingredientes e misture muito bem até obter uma massa fofa. Unte com margarina e polvilhe com farinha as formas que vai usar.

Para os queques de limão basta juntar á massa sumo e raspa de 1 limão.



Para os queques mármore, divida a massa em duas partes e junte a uma das partes 50 gr de chocolate ou cacau em pó e misture para a massa ficar escura. Coloque alternadamente as duas massas nas formas.



Leve ao forno a 180º até os queques estarem cozidos (cozem muito rápido).

Bom apetite!


segunda-feira, 21 de maio de 2012

Festa de aniversário - petiscos (parte 1)

Como havia escrito no post anterior, durante esta semana o tema vai ser a festa de aniversário para a qual contribui com algumas das minhas receitas e com o consentimento da minha amiga S. vou também publicar aquilo que ela fez para a dita festa.

Então hoje apresento aqui duas das receitas dos imensos petiscos que se comeram por lá: Pão de alho caseiro e mini-folhados de queijo creme e fiambre. Estas duas receitas foram feitas "a olho".

Para o pão de alho caseiro: numa frigideira junte manteiga, um pouco de azeite e alho picado, deixe fritar até alourar o alho, por fim retire do lume e junte salsa fresca picada. Reserve para o dia seguinte, a manteiga deverá solidificar. Depois é só barrar pão de baguete e levar ao forno 5 minutos e servir de imediato.



Para os mini-folhados de queijo-creme e fiambre: Estenda uma base de massa folhada e corte em 16 triangulos. Numa taça, coloque queijo-creme (usei Philadelphia), fiambre cortado muito fininho (quase mesmo picado), um pouco de alho em pó, uma pitada de sal e um pouco de salsa picada fresca. Com a varinha mágica moa tudo até obter uma pasta e coloque pequenas porções (usei uma colher de sobremesa) na parte mais larga da massa. Enrole de fora para dentro, feche as pontas,  pincele com ovo batido e leve ao forno num tabuleiro forrado com papel vegetal a 220º cerca de 15-20 minutos.



Bom apetite!




domingo, 20 de maio de 2012

Festa de aniversário - mesa de petiscos

Hoje foi dia de aniversário do meu grande amigo T.  E que melhor prenda lhe poderia oferecer eu senão o bolo de aniversário? Feito com muito carinho saiu uma verdadeira obra prima! Mas a festa não se resumiu só ao bolo e houve bolinhos e salgados para os convidados petiscarem enquanto aguardavam pelo rei da festa (o bolo). Esta publicação vai ser dividida em várias partes pois foram tantas as fotos e petiscos que num só não cabe tudo!



Nesta primeira publicação, vou descrever a mesa e colocar algumas fotos do conjunto global e ao longo desta semana irei colocar individualmente todas as receitas novas que se experimentaram.

Começo então pela mesa de petiscos dos quais se tentou fugir dos habituais rissóis e batatas fritas, pelo que numa mesa farta para uma festa com 10 pessoas, podíamos encontrar pão de alho caseiro, canapés de queijo e azeitona verde, folhados de salsicha, folhados de queijo creme e fiambre, bolinhos diversos, mini-pizzas, mousses e pudins em versão mini, bolo de bolachatarte de maçã, vol-au-vent de camarão e delicias do mar (cuja receita encontrei no blogue da querida M. (a panificadora ribeiro), salpicão e azeitonas pretas.

Claro que o rei da festa também teve lugar de destaque, foi muito elogiado tanto pela beleza como pelo sabor, mas como eu disse:" Não sou nenhuma profissional, mas dei o meu melhor".



Fiz uma decoração simples apenas com raspas de chocolate, chantilly (quase sem açúcar porque o bolo já era doce que chegasse), bolinhas prateadas e dois morangos salpicados com missangas de chocolate.




Esta primeira publicação está finalizada, seguir-se-ão as restantes com as receitas do que se comeu na festa.

Bom apetite!

sábado, 19 de maio de 2012

Migas de Broa com grelos e feijão frade

O que fazer quando se tem uma broa que tem que se comer urgentemente? Por norma toda a gente faz bacalhau com broa, mas sinceramente hoje não era isso que me apetecia para o jantar.
Decidi pesquisar (outra vez) as minhas revistinhas e a Internet (no blogue "As minhas receitas") e encontrei em ambas as pesquisas algo que me aguçou o apetite. Não pensei duas vezes e decidi por mãos á obra... À receita original decidi juntar um pouco de bacon para ficar a refeição completa...
Nota: tanto na revista (penso que era a Segredos de Cozinha) como no blogue a receita era quase idêntica.

Ingredientes: (2-3 pessoas)

1 molho pequeno de grelos ou nabiças
1 lata de feijão frade
1/2 broa de milho
150 gr de bacon cortado aos pedacinhos
1 fio de azeite
1 dente de alho
sal q.b.

Preparação:

Coza os grelos em água sem sal, escorra-os, reservando um pouco da água da cozedura e pique-os grosseiramente.
Numa frigideira, "estale" um pouco o bacon até este ficar dourado e reserve.
Numa frigideira á parte, aqueça o azeite e o alho picado sem deixar queimar. Junte a broa esfarelada, o feijão frade escorrido, os grelos e o bacon. Adicione um pouco de água para envolver bem e tempere de sal.
Sirva de imediato.

Bom apetite!


sexta-feira, 18 de maio de 2012

Bacalhau com béchamel no forno e o 1º mês do meu blogue


O meu blogue faz hoje 1 mês de existência, com mais de mil visitas e muitas pessoas que não se mostram por aqui (é via facebook) a apoiar-me e a dar-me os parabéns. A todos vocês o meu muito OBRIGADA! Não sou uma cozinheira de mão cheia, mas aquilo que faço gosto de fazer muito bem! E porque hoje são todos convidados para esta pequena celebração decidi apresentar o meu prato favorito de bacalhau. Sempre que alguém vem cá a casa, espera que eu faça este prato que é simplesmente divinal... A conjugação de sabores confere-lhe um paladar único. Aprendi a fazê-lo com a minha mãe e há uns tempos ao folhear com calma uma das minhas centenas de revistas de cozinha, lá estava a mesma receita, tão pequenina que mal se dava por ela. Esta pequena maravilha requer algum tempo principalmente se for confeccionado para mais do que 4 pessoas... A minha mãe ensinou-me a fazer "a olho" e é assim que eu faço sempre, mas para quem me segue deixo com as quantidades para que se torne mais fácil calcular.


Ingredientes (4 pessoas)

600 gr de batata
2 postas de bacalhau demolhado
300 gr de cenoura
1 couve coração ou lombarda
2 ovos
2 dentes de alho
2 cebolas
1 dl de azeite
1 folha de louro
1 litro de molho bechamel de compra
sal e azeitonas pretas q.b.


Preparação:

Descasque as batatas e as cenouras e corte em cubos.
Lave bem a couve e corte em juliana.
Num tacho grande, coloque as batatas, a cenoura, a couve, o bacalhau e os ovos a cozer como se estivesse a fazer bacalhau cozido. Tempere com um pouco de sal.
Depois de cozido, escorra tudo, limpe o bacalhau de pele e espinhas e descasque e corte os ovos em rodelas com a ajuda do cortador de ovos (ou com uma faca bem afiada).
Entretanto numa frigideira, coloque o azeite, a cebola cortada ás rodelas finas e o alho picado e deixe refogar até a cebola ficar macia. Coloque também a folha de louro.
Ligue o forno a 200º.
Numa travessa coloque camadas alternadas de cebolada, mistura das batatas + cenoura + couve e bacalhau.
Disponha as rodelas de ovo cozido e cubra com o bechamel. Coloque as azeitonas e leve ao forno a gratinar. Sirva de imediato.


Bom apetite!

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Paté de atum

Algo simples para um jantar que hoje teve de ser á pressa...

(receita original no blogue Cinco Sentidos na Cozinha )

Ingredientes:

1 lata de atum em óleo
4 colheres de sopa de maionese
2 colheres de sopa de ketchup
ervas aromáticas a gosto
tostas ou mini-tostas para acompanhar

Preparação:

Abra a lata do atum e escorra bem o óleo.
Numa taça misture todos os ingredientes (á excepção das tostas), batendo bem para criar uma mistura homogénea.
Leve ao frigorífico até á hora de servir e acompanhe com as tostas.

Bom apetite!



terça-feira, 15 de maio de 2012

Bolo de Melancia - uma surpresa agradável...

Sempre gostei de inovar na cozinha, modificar e reinventar receitas novas ou antigas... E a minha constante pesquisa pelo mundo da Internet leva-me todos os dias a novas descobertas no mundo culinário, algumas que eu nem sequer imaginava serem possíveis de realizar...
Este bolo, foi uma surpresa muito agradável, se bem que ao olhar, pensei: "estou perante um bolo de cenoura e não de melancia", mas ao provar a primeira fatia, o paladar inconfundível deste fruto faz-se notar a cada dentada...

(a receita original veio daqui )

Ingredientes:

4 ovos
2 chávenas de chá de açúcar
1 colher de sopa de margarina
3 chávenas de chá de melancia limpa (sem pevides)
2 chávenas de chá de farinha
1 colher de sopa de fermento em pó
1 pacote de açúcar baunilhado
margarina para untar e farinha para polvilhar a forma



Preparação:

Misture todos os ingredientes no liquidificador até ficar homogéneo.
Coloque numa forma de buraco e leve a forno médio cerca de 30 minutos ou até que o palito saia seco.
Retire do forno, deixe descansar por 5 minutos e desenforme.

Bom apetite!







Esparguete "á italiana"

Desde que me lembro foi sempre este o nome que por casa dos meus pais se deu a este prato, mas também há quem lhe chame "á bolonhesa" ou com carne picada... Seja qual for o nome, este é sem dúvida um dos meus pratos favoritos.. Simples e rápido para dias em que a pressa é muita ou que a preguiça tome conta de nós....



Ingredientes (4 pessoas)

500 gr de carne picada
1 cebola
3 colheres de sopa de polpa de tomate
1 fio de azeite
1 folha de louro
sal q.b.
1 pitada de alho em pó
1 dl de vinho branco
água q.b.
1 lata pequena de cogumelos inteiros
300 gr de esparguete

Preparação:

Num tacho, faça um refogado com a cebola picada e o azeite.
Quando a cebola estiver dourada, junte a carne e mexa bem e junte de seguida o vinho, a polpa de tomate, a folha de louro, o sal, o alho e um pouco de água. Mexa bem e deixe ferver um pouco. Mal isto aconteça baixe o lume e junte água suficiente para cozer a carne (cerca de 20 minutos). Quando a carne estiver praticamente cozida, junte a massa e os cogumelos cortados em metades e água suficiente para cozer o esparguete. Rectifique o tempero e sirva de imediato.

Bom apetite!




segunda-feira, 14 de maio de 2012

Bolo de iogurte e abacaxi

Adoro bolos, bolinhos, pastéis... tudo o que seja doce eu acho que simplesmente adoro...
Tenho várias receitas de bolo de iogurte, todas elas diferentes mas também deliciosas.
Cá por casa existia (já não existe mais) um abacaxi (diferente do ananás) que eu olhava para ele e perguntava: "Quando é que eu te irei comer??", vai daí e inspirada nas últimas novidades dos blogues que eu sigo, decidi fazer um maravilhoso bolinho de iogurte e colocar o "desprezado" abacaxi... Ficou de comer e chorar por mais...

Ingredientes - Receita adaptada do original da revista Cozinha Prática de Sucesso nº 81 Especial Receitas Económicas

200 gr de manteiga
200 gr de açúcar
4 ovos (no original são 3 ovos e 1 gema)
200 gr de farinha
1 colher de chá de fermento em pó
1 iogurte natural
1 abacaxi descascado e cortado aos pedaços pequenos (este ingrediente foi o meu acrescento á receita original)

Preparação:

Bata muito bem a manteiga com o açúcar até deixar de sentir o granulado.
Adicione os ovos, um a um, batendo bem entre cada adição.
Peneire a farinha com o fermento e junte ao preparado.
Por fim acrescente o iogurte e o abacaxi aos pedacinhos e incorpore tudo.
Unte com manteiga e polvilhe com farinha um forma de buraco.
Coloque a massa e leve ao forno pré-aquecido a 180º cerca de 40 minutos.
Retire depois de cozido, deixe arrefecer um pouco e desenforme.

Nota: o bolo devia ter crescido um pouco, mas devido ao peso do abacaxi ficou um bolo baixo.
Se preferirem também podem polvilhar o bolo com um pouco de canela em pó depois de desenformar.

Bom apetite!


domingo, 13 de maio de 2012

Bacalhau á moda de Braga

Nada melhor que para o almoço de domingo, algo bem português: Bacalhau.
E como os meus convidados de hoje eram "bons garfos" e Braga é uma das cidades onde se sentem "em casa" decidi presenteá-los com um dos pratos típicos da região.
Simples, rápido e delicioso - uma conjugação perfeita para um domingo de sol onde não faltou bom vinho, alegria e boa disposição....


Ingredientes (6 pessoas  - quantidades relativas)

4 dl de azeite
6 ou 7 postas de bacalhau demolhadas (depende do tamanho)
4 cebolas
5 dentes de alho
2 folhas de louro
3 colheres de chá de colorau
2 dl de vinho branco
sal e pimenta branca q.b.
2 colheres de sopa de vinagre
farinha para passar o bacalhau
azeitonas pretas q.b.
2.5 kg de batatas


Preparação:

Leve ao lume uma frigideira com o azeite e deixe-o aquecer. Passe as postas de bacalhau por farinha e leve-as a fritar no azeite até ficarem bem douradinhas. Retire-as, escorra-as e reserve-as.
Coloque as batatas a fritar ás rodelas temperadas com um pouco de sal.
Descasque as cebolas e os alhos, corte as cebolas ás rodelas fininhas, pique os alhos e leve a fritar no mesmo azeite onde fritou o bacalhau, adicione também o louro e deixe cozinhar até a cebola ficar macia.
Junte então o colorau e o vinho, tempere com sal e pimenta, mexa e deixe cozinhar em lume brando cerca de 10 minutos. No fim adicione o vinagre, mexa e desligue o lume.
Coloque as postas de bacalhau no prato de servir (ou travessa), cubra-as com a mistura de cebola e sirva com as batatas fritas. Decore com as azeitonas pretas.

Bom apetite!

Dark Shadows com Muffins de Framboesa

Se há conjugação perfeita no cinema é Tim Burton & Johnny Deep, o mais recente exemplo disso é o novíssimo "Dark Shadows - Sombras na Escuridão". E nada melhor do que levar a sobrinha para uma tarde de cinema e quando regressamos a casa, em 30 minutos tínhamos uns deliciosos muffins de framboesa para comer.. e como a M. disse: "Ti ficaram tão fofinhos!!"  Ainda estavam um pouco mornos, mas tivemos que comer logo 1 cada uma...

Ingredientes (12 unidades) - Adaptado do original do livro "Muffins"

75 gr de manteiga (pus 100 gr)
100 gr de açúcar
1 ovo grande (pus 2 médios)
2 colheres de sopa de leite (não pus)
100 gr de farinha
2 colheres de chá de fermento em pó
100 gr de framboesas descongeladas (as que coloquei ainda estavam meio congeladas, mas serviram na mesma)

Preparação:

Aqueça o forno a 180º. Coloque forminhas de papel dentro das formas que vai levar ao forno.
Bata o açúcar com a manteiga até fazer espuma. Junte o ovo e o leite (que eu não juntei) e continue a bater.
Adicione a farinha e o fermento delicadamente sem bater. Por fim adicione as framboesas. 
Coloque a massa nas formas e leve ao forno por cerca de 15-20 minutos.

Bom apetite!




sábado, 12 de maio de 2012

Esparguete com salsichas frescas

Frequentemente faço massas para as minhas refeições, pois são simples e rápidas para quem tem pouco tempo como eu.
Nas minhas pesquisas pela Internet, encontrei num dos meus blogues favoritos esta receita que em cerca de 20 minutos tinha o jantar pronto. Fiz algumas alterações ao meu gosto mas o original poderão ver no Cinco Sentidos na Cozinha. Fica então a receita...

Ingredientes (2 pessoas)

100 gr de esparguete cozido "al dente"
2 salsichas frescas
100 gr de ervilhas congeladas
1 dente de alho
1 fio de azeite
sal q.b.
1 pitada de oregãos

Preparação:

Coza a massa "al dente" num tacho com água, um fio de azeite e um pouco de sal.
Coloque as ervilhas num tacho a cozer com água e sal. Deixe cozer cerca de 10 minutos em lume médio.
Aqueça o azeite numa frigideira com o alho picado e deixe alourar sem queimar. Frite as salsichas inteiras até estarem alouradas, retire-as da frigideira e corte-as em pedaços e volte a coloca-las na frigideira.
De seguida junte as ervilhas escorridas e o esparguete também escorrido, misture tudo e deixe fritar cerca de 2 minutos. Polvilhe com oregãos e sirva de imediato.

Bom apetite!