sábado, 14 de fevereiro de 2015

50 Sombras de... Red Velvet


No dia de hoje e do ano em que estamos, é quase impossível, não se ter ouvido falar do filme que estreou agora no cinema. Uma adaptação para filme da trilogia dos livros, que por curiosidade li e gostei. O filme, se a disponibilidade permitir, irei vê-lo ao cinema, senão, espero que saia em dvd.


Mas hoje, é mais um dia que se celebra o amor de uma forma mais comercial pois é o dia dos Namorados, ou mais exactamente de São Valentim, o santo padroeiro do amor e dos enamorados.
Decidi que queria dar algo ao meu mais que tudo neste dia, apenas para lembrar a data, mas sem recorrer a nada do que se vende nas lojas.


Então, fez-se luz e juntando o útil ao agradável, saiu o bolo Red Velvet, uma receita quase obrigatória em todos os blogues e que aqui pecava por estar em falta.
Celebremos todos o amor, saboreando uma fatia deste bolo divino!


Ingredientes:

Para o bolo:

125 gr de manteiga sem sal à temperatura ambiente
200 gr de açúcar
3 ovos
30 gr de cacau
4 colheres de chá de corante vermelho
2 colheres de chá de essência de baunilha
300 gr de farinha
240 ml de buttermilk (obtém buttermilk se misturarem 240 ml de leite à temperatura ambiente com 1 colher de sopa de vinagre e deixarem repousar 10-15 minutos antes de utilizar)
1 colher de sopa de vinagre
1/2 colher de chá de fermento em pó
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio


Para o recheio e cobertura:

1 embalagem de queijo Philadelphia (200gr)
1 embalagem de créme fraiche (200gr)
125 ml de natas
1 pacote de açúcar baunilhado
3 colheres de sopa de açúcar em pó


Preparação do bolo:

Pré-aqueça o forno a 180º. Unte e polvilhe uma forma grande ou se preferir duas iguais (o tempo de cozedura será reduzido a metade).
Com a ajuda da batedeira, bata a manteiga com o açúcar até obter um creme fofo e esbranquiçado. Parta os ovos e adicione-os um a um batendo entre cada adição.
À parte, misture o cacau com a baunilha, o vinagre e o corante até formar uma pasta. Aos poucos, vá juntando aos ovos-manteiga-açúcar e continue a bater, tendo o cuidado de ver que se comece a formar uma mistura uniforme.
Peneire a farinha já misturada com o fermento e o bicarbonato e alternadamente com o buttermilk vá adicionando ao preparado, batendo a uma velocidade baixa até que fique tudo uniforme.
Leve a cozer cerca de 1 hora (se forem duas formas serão cerca de 30 minutos).
Deixe arrefecer um pouco e desenforme.


Preparação do recheio e cobertura:

Bata o queijo Philadelphia e as natas com o açúcar em pó e o açúcar baunilhado, até "prender". De seguida e com a batedeira no mínimo, junte o creme fraiche e envolva bem.
Corte o bolo em duas partes, recheie e cubra. Decore a gosto.


Bom apetite!

Adaptado de: Como criar um negócio de bolos decorados - Sónia Azoia

Receita elaborada na forma Coração de A Metalúrgica Bakeware Production S.A.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Bundt cake de frutos secos com calda de laranja



Janeiro passou a correr, e estamos em Fevereiro, aqui pelos Alpes considerado o mês mais frio do Inverno. 
Ora com tanta neve que tenho visto por aqui, nada melhor que um bom bolo para aquecer o corpo e a alma.
E como as meninas dos Bundts pediram frutos secos na edição deste mês, junta-se o útil ao agradável :)
Fazemos um bundt?



Ingredientes: (para o bolo) - medida de cup/chávena

Manteiga e farinha para untar e polvilhar a forma
2+1/2 cup de farinha
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de chá de fermento em pó
1/2 colher de chá de sal
1/2 cup de manteiga à temperatura ambiente
1 cup de açúcar
3 ovos
250 ml de natas
1+1/2 cup de frutos secos a gosto (usei amendoa, avela, noz e caju)


Ingredientes: (para a calda)

1/2 cup de açúcar
1/2 cup de sumo de laranja
açúcar em pó para polvilhar



Preparação:

Pre-aqueça o forno a 180º. Unte e polvilhe uma forma larga com buraco (o bolo cresce bastante).
Numa taça, misture a farinha com o bicarbonato de sódio, o o fermento e o sal e reserve.
Com a ajuda da batedeira, bata a manteiga com o açúcar na velocidade média-alta por 2 minutos. Adicione os ovos, um a um, batendo bem entre cada adição.
Junte as natas e continue a bater. Junte então a farinha e misture até obter uma mistura homogénea.
Por fim, com a ajuda de uma espátula, adicione os frutos secos na massa.
Coloque a mistura na forma, alise a superfície e leve ao forno cerca de 45-60 minutos ou testando com um palito, veja se este sai seco.
Quando faltar pouco para o bolo estar pronto, coloque numa caçarola o açúcar com o sumo de laranja e leve a ferver e deixe depois cozer durante 1 minuto,
Quando o bolo estiver pronto, retire do forno e coloque a forma em cima de uma rede a arrefecer por 10 minutos.
Passado este tempo, desenforme o bolo e com a ajuda de um palito, faça pequenos furos. Regue o bolo com a calda que preparou previamente e deixe arrefecer totalmente antes de polvilhar com o açúcar em pó.

Bom apetite!



segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Tunnel of Fudge Bundt Cake para começar o ano!


Antes de mais Bom Ano Novo a todos os que me lêem!

Depois de umas férias, que não foram férias de verdade pois não pude descansar ( foi por uma boa causa!), entrei neste novo ano com fé e esperança que 2015 me traga coisas boas. Para isso, é certo que tenho de trabalhar e batalhar, mas eu sou persistente!


Há já muito tempo que não respondo a desafios de blogues amigos, mas assim que vi o que a minha Meninha e a Lia propuseram na sua 15ª edição da Bundtmania, decidi que tinha de participar.
Quem não gosta de bolo de chocolate, levante a mão! Pois, bem me pareceu que não havia ninguém ;)

O bundt que hoje trago é segundo as minhas pesquisas, o Bundt dos Bundts. Aquele que é o ícone deste tipo de bolos, tendo a receita original vencido uma afamada competição da época. Este charmoso bolo, qual estrela de Hollywood vencedora de um Oscar, é nada mais nada menos que o Tunnel of Fudge.

Para os amantes de chocolate e não só, este bolo é o pecado da gula personificada. Cada garfada que se saboreia, faz querer comer mais e mais. A conversa com a balança ficará para depois!
Vamos à receita?


Ingredientes:

Bundt:

287gr de manteiga sem sal à temperatura ambiente + manteiga q.b. para untar a forma
75 gr de cacau em pó + cacau q.b. para polvilhar a forma
85 gr de chocolate amargo
1/2 cup (medida americana) de água a ferver
240 gr de farinha com fermento
185 gr de açúcar em pó
1 colher de chá de sal fino
175 gr de cacau em pedacinhos (usei chocolate com 95% de cacau e piquei com a ajuda do robot de cozinha)
220 gr de açúcar amarelo mascavado
150 gr de açúcar
5 ovos tamanho L
1 colher de sopa de extrato de baunilha


Ganache de chocolate:

115 gr de chocolate amargo partido em pedaços
80 ml de natas
uma pitada de flor de sal


Preparação do Bundt:

Pre-aqueça o forno a 180º. Unte e polvilhe com cacau uma forma grande com chaminé (com capacidade para 2.8 litros).
Coloque o chocolate numa taça, de seguida a água a ferver por cima e mexa até ficar em creme. Deixe arrefecer até ficar à temperatura ambiente antes de usar.
Misture numa taça grande o cacau em pó, a farinha, o açúcar em pó, o sal e os pedacinhos de cacau, até que estejam bem agregados.
Com a ajuda da batedeira, bata a manteiga com o açúcar branco e o açúcar amarelo numa velocidade média por 2-3 minutos, até obter um creme.
Adicione os ovos, um a um, sem deixar de bater. Junte a baunilha e o chocolate derretido e misture bem.
Com a batedeira numa velocidade baixa, adicione a mistura de farinha e cacau, batendo até obter uma mistura homogénea.
Coloque a massa na forma, alise o topo e leve ao forno 45 minutos. Não faça o teste do palito, pois não sairá limpo.
Retire do forno e deixe arrefecer o bolo dentro da forma durante 1h30 minutos. Este tempo é necessário para que o túnel se forme e o bolo não se desmanche.
Findo este tempo, desenforme-o com cuidado e deixe-o arrefecer em cima de uma rede para bolos mais 1h30-2horas). Cubra com o ganache e deixe repusar 5-10 minutos antes de servir.


Preparação do ganache:

Coloque o chocolate numa taça. Numa caçarola, coloque as natas e leve ao lume médio- fraco, até começar a ganhar pequenas bolhas dos lados mas sem deixar ferver.
Coloque por cima do chocolate e deixe estar 3 minutos. Adicione a flor de sal.
De seguida bata bem até ficar cremoso. Cubra o bolo de seguida.

Bom apetite!


Adaptado de: Cake Simple by Christie Matheson

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Guetsli Mailänderli para um Feliz Natal!


Mesmo tendo este meu cantinho em modo "quase stand-by", não poderia deixar de vir cá nesta altura do ano, para mim e muitos de vocês que me lêem, tão especial.
Para mim Natal só é Natal se puder ir a Portugal passa-lo com os meus pais e restante família. Não me importava de abdicar de ir ao meu país o resto do ano, mas esta data para mim é mesmo muito importante.


Nos dias que correm, muitas vezes esquecemos-nos do verdadeiro significado desta época e vemos uma corrida louca às lojas para comprar presentes. Não que eu tenha algo contra quem o faz (eu própria me incluo mas apenas compro uma lembrança simbólica para os mais pequenos), mas se o espírito natalício apela à união das famílias e à partilha, porque não o fazer com algo simples mas feito por nós com amor e carinho?


Aqui, na Suiça, nesta altura do ano, oferecem-se bolachas de Natal como "prenda", junto com um postal onde se escrevem os votos natalícios. Um gesto que aprendi a gostar e apreciar, pois a vida é feita de coisas simples.
Há imensas variedades, mas as que hoje vos trago, são as mais apreciadas (e na minha opinião as melhores!). São simples de fazer, mas ainda mais de comer pois considero-as viciantes!


Ingredientes (cerca de 40 unidades):

100 gr de manteiga à temperatura ambiente
125 gr de açúcar
1 pitada de sal
1/2 colher de sopa de sumo de limão
1 ovo
250 gr de farinha
1/2 colher de chá de fermento em pó
2 gemas de ovo para pincelar misturadas com 1 colher de sopa de água



Preparação:

Com a batedeira eléctrica, bata a manteiga com o açúcar durante 10 minutos, até obter uma mitura cremosa e clara.
Adicione o sal, o sumo de limão e o ovo e continue a bater.
Junte a farinha e o fermento, misturando bem e rapidamente (com as mãos) até obter uma bola que descole das mãos e das paredes da taça.
Envolva em película aderente e leve ao frigorífico cerca de 2 horas.
Findo  este tempo, disponha a massa entre duas folhas de papel vegetal, e com a ajuda do rolo da massa, estenda-a até obter 7 a 10 mm de espessura.
Com cortadores próprios para bolachas, corte a massa e disponha num tabuleiro forrado com papel vegetal, repetindo a operação até acabar a massa. Leve de novo ao frio por 30 minutos.
Pré-aqueça o forno a 175º.
Pincele as bolachas com a gema de ovo batida com a água, por 2-3 vezes até ficarem bem amarelas.
Leve ao forno cerca de 12-15 minutos.
Retire e deixe-as arrefecer numa grelha (daquelas que se usam para os bolos).

Bom apetite!

Adaptado de: saisonküche


Deste modo, despeço-me com um até breve, desejando a todos os que me seguem um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo 2015 com votos de muita saúde, alegria e paz! Que todos os vosso desejos se concretizem neste novo ano que está para chegar! Beijinhos e bem hajam!