domingo, 26 de junho de 2016

Bolo mármore saudável

          

O calor já se vai fazendo notar aqui pelos Alpes, mas nada me impede de ligar semanalmente o forno e preparar pão e bolo para os dias de trabalho.
Quem corre por gosto não cansa, e como uma conhecida minha diz, o calor do forno faz efeito sauna nas gordurinhas (ehehe).


Nas minhas pesquisas diárias, guardo dezenas de receitas, mas há aquelas, como esta, que têm de ser feitas de imediato.
O bolo ficou perfeito para o meu paladar, pouco doce mas o suficiente para matar desejos de gula.
Se é para repetir? Pois claro que sim!


Ingredientes:

4 ovos
1/2 abacate (ou 2 colheres de sopa de óleo de coco)
1 cup (medida/ chávena de chá) de farinha de arroz
1 cup de farinha de aveia
1 cup de leite magro ou vegetal 
4 colheres de sopa de açúcar mascavado
1 colher de sopa  de essência de baunilha 
100 ml de sumo de laranja
1 colher de sopa de fermento em pó
2 colheres de sopa de cacau em pó puro




Preparação:

Bata tudo excepto o fermento e o cacau no liquidificador ou com a batedeira numa taça. De seguida acrescente o fermento e envolva.
Coloque metade da massa numa forma untada e polvilhada.
À restante massa, acrescente o cacau e misture bem. 
Coloque delicadamente por cima da massa branca.
Leve ao forno pré aquecido a 180 graus cerca de 40 minutos (fazer o teste do palito).






Bom apetite!

Adaptado de: Projecto Eu Cai na Real

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Panquecas de trigo sarraceno e sementes de papoila


Por aqui irão passar a ver muitas vezes panquecas! Saudáveis e para todos os gostos!
As que hoje publico foram uma surpreendente experiência: trigo sarraceno e sementes de papoila. Uma mistura perfeita, por assim dizer.
A repetir sem dúvida e por isso mesmo quis partilhar com vocês esta receita de sucesso.


Ingredientes (9-10 panquecas)

6 colheres de sopa de farinha de trigo sarraceno
4 ovos
3 bananas
300 gr de queijo quark (ou iogurte natural)
1 colher de sopa de sementes de papoila



Preparação:

Colocar os ingredientes numa taça e com a ajuda da varinha mágica, misturar tudo muito bem.
Colocar porções da massa numa frigideira anti-aderente e deixar cozinhar até fazer bolhas. Virar a panqueca e deixar cozinhar 1 minuto mais. Repetir a operação até terminar a massa.


Bom apetite!

domingo, 19 de junho de 2016

Pão baguete integral e centeio


Qualquer dia, que me segue faz uma rifa de mim por andar sempre a publicar pão e bolos.
Já devem estar a pensar: mas será que a Kinhas só come isto? Claro que não, mas nas minhas outras refeições, o tempo não permite tirar fotografias decentes para mostrar aqui.
E não , não como só cozidos e grelhados! Como de tudo, mas usando a base sempre saudável.


Mas voltando ao pão de hoje, andava com desejos de experimentar fazer baguetes.
Tanto tempo andei a pensar no mesmo que um dia foi o dia e saíram as benditas!
A massa é simples e rendeu-me 3 baguetes de tamanho razoável.
Usei a forma especial da Metalúrgica para as por mesmo a preceito para o blogue.
Experimentem que não se irão arrepender!


Ingredientes:

400 ml de água quase morna
1 colher de chá de sal
1 saqueta de fermento seco de padeiro
500 gr de farinha integral
200 gr de farinha de centeio


Preparação na MFP:

Coloque por esta ordem os ingredientes na cuba: àgua, sal, fermento e farinhas. Programe a máquina para Amassar e Levedar. No fim do tempo, retire a massa da cuba e numa superfície polvilhada de farinha, divida a massa em 3 rolos, formando assim as baguetes.
Forre a forma com papel vegetal (ou o tabuleiro do forno).
Entretanto, o forno já deve estar a pré aquecer a 250 graus, no qual deve ser colocado no chão do forno, um recipiente com água (cerca de 50 ml).
Quando o forno estiver quente, coloque os pães lá dentro, previamente pincelados com água
Ao fim de 10 minutos, baixe a temperatura para 210 graus e deixe cozer mais 15 minutos.
Retire do forno e estão prontos!


Bom apetite!

Adaptado de: Baú da Vó Eli

terça-feira, 14 de junho de 2016

Pudim de chia com cacau


A Internet é um poço de sabedoria. Cada vez mais acho isso.
Há agora um canal de receitas que se chama (acho!) Proper Tasty e são receitas feitas em vídeo à velocidade da luz. Nas partilhas que se vão fazendo nas redes sociais, um dia apareceu-me esta pequena delícia no feed de notícias.
Anotei os ingredientes num daqueles famosos papelinhos amarelos e pus no meu bloco de receitas para fazer quando me lembrasse.


Nunca imaginei que uma receita tão simples fosse tão boa! Algo mesmo espectacular! Quando provei a primeira vez, pensei que estava a comer uma verdadeira mousse de chocolate negro com pepitas crocantes lá no meio! É nestes pequenos detalhes que enganamos o nosso cérebro e lhe dizemos que estamos a comer o melhor doce do mundo!
Juntei um pouco deste muesli para tornar a decadência ainda melhor e fiquei com um bom lanche para uma tarde de trabalho.



Ingredientes (2 pessoas)

250 ml de leite magro
2 colheres de sopa de chia
1 colher de sopa de mel
3 colheres de sopa de cacau puro
pitada de sal


Preparação:

Misturar bem todos os ingredientes, deixar repousar 20 minutos e dividir por duas taças. Servir acompanhado com fruta a gosto e/ou muesli ou granola da sua preferência.



Bom apetite!